Aterosclerose
3.5 (70%) 4 votes

Aterosclerose

As artérias levam sangue rico em oxigênio e nutrientes aos órgãos e tecidos, para o bom funcionamento do corpo. A aterosclerose é o acúmulo de gordura na parede dessas artérias, formando uma placa de obstrução e causando o seu estreitamento gradual, podendo gerar, inclusive, um bloqueio total.

A aterosclerose é hoje a principal causa de morte no mundo.

Essa enfermidade pode acometer todas as artérias do corpo humano. Quando ela atinge:

  • As do coração, pode ocorrer angina (dor no peito) e infarto;
  • As artérias carótidas, pode acontecer um acidente vascular cerebral (derrame);
  • As artérias das pernas, pode haver dor ao caminhar;
  • As dos rins, pode ter aumento da pressão arterial.

Visite o nosso Blog e fique por dentro das nossas novidades!

O que causa a obstrução nas artérias?


A placa aterosclerótica é uma combinação de colesterol, lutas gorduras, cálcio e outros componentes do sangue que se depositam na parede das artérias. As placas podem apresentar diversos tamanhos e formatos. Além disso, algumas são instáveis e podem se romper, causando obstrução total do fluxo e resultando em infarto e derrames.

Os principais fatores de risco para arterosclerose são pressão alta, tabagismo, diabetes, sedentarismo, obesidade, colesterol elevado e história familiar.

Diagnóstico

O diagnóstico deve ser feito com base na área do corpo a ser investigada.

Uma avaliação e um exame médico minucioso devem ser realizados para fazer uma investigação específica.

Diagnóstico – Artérias do coração

Para diagnosticar obstrução nas artérias do coração pode-se realizar exames não invasivos, como cintilografia miocárdica, angiotomografia de coronárias, teste ergométrico e ecocardiograma de esforço. Para uma avaliação mais invasiva pode-se realizar um cateterismo cardíaco.

Diagnóstico – Artérias Carótidas

Para diagnosticar a obstrução das artérias carótidas, responsáveis pela circulação cerebral, deve-se, primeiramente, realizar um exame físico para ausculta do pescoço e pesquisa de sopro carotídeo. Pode-se realizar ultrassom doppler das carótidas, angiotomografia, angiorressonância ou até mesmo uma angiografia, porém este exame está em desuso, pois os demais possuem alta qualidade e não são invasivos.

Diagnóstico – Artérias dos Rins

Para diagnosticar obstrução nas artérias dos rins pode-se realizar ultrassom doppler das artérias renais, angiotomografia ou angiorressonância.

Diagnóstico – Artérias das Pernas

Para diagnosticar obstrução nas artérias das pernas deve-se, primeiramente, realizar exame físico com palpação dos pulsos arteriais. Para confirmar extensão da doença pode-se realizar ultrassom doppler, angiotomografia ou angiorressonância.

LEIA TAMBÉM: Secagem de vasinhos

LEIA TAMBÉM: Laser varizes

Tratamento

A primeira opção de tratamento é sempre uma mudança no estilo de vida. Adotar uma dieta equilibrada, realizar atividade física, parar com o tabagismo e perder peso ajudam a controlar a aterosclerose.

Se apresentar pressão alta, diabetes ou colesterol elevado deve tratar com o uso de medicamentos. Isto ajuda a estabilizar a placa e diminuir o risco de fratura da mesma, obstruindo a artéria.

Em casos mais severos ou nos quais o tratamento clínico não foi efetivo, deve ser realizado um procedimento invasivo.


Conheça o perfil profissional do cirurgião vascular Dr. Daniel Benitti.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail: