Sensibilidade ou intolerância alimentar: por que é importante saber o que é isso, principalmente se você tem Lipedema?

Dentro da nossa barriga, temos um revestimento intestinal extenso que cobre mais de 370 metros quadrados de área de superfície. Quando funcionando corretamente, ele forma uma barreira rígida que controla o que é absorvido pela corrente sanguínea. Um revestimento intestinal insalubre pode ter grandes rachaduras ou buracos, permitindo que alimentos parcialmente digeridos, toxinas e bactérias penetrem nos tecidos abaixo dele. Isso pode desencadear inflamação e alterações na flora intestinal (bactérias normais) que podem levar a problemas dentro e fora do trato digestivo.

O que você come tem um impacto enorme na sua saúde. Principalmente se você tem Lipedema.

Muitos estudos evidenciam o mesmo que vemos nas mulheres com Lipedema: a alimentação tem um impacto enorme na inflamação. A diferença é qual local do corpo inflama. A alimentação é o melhor e o pior remédio que qualquer pessoa pode utilizar diariamente. As escolhas e orientações são fundamentais para uma vida saudável. A alimentação correta pode realmente melhorar a sua saúde e diminuir o risco de desenvolver qualquer doença crônica

4 opções para comer à noite e não estragar a dieta

Sem dúvida comer é um dos maiores prazeres da vida. No entanto, devemos tomar cuidado para a alimentação não se tornar uma fonte de inflamação, que irá acarretar excesso de peso. Alguns lanches não são tão saudáveis quanto você pensa e podem prejudicar a sua dieta se você não tomar cuidado. Inclusive, esse cuidado deve ser ainda maior ao comer à noite, pois os lanches noturnos são grandes sabotadores de uma dieta saudável.

Você está tomando suplementos para perder peso ou para atividade física? Cuidado!

O mercado de suplementos dietéticos explodiu e hoje movimenta mais de 100 bilhões por ano no mundo, quase o mesmo valor da indústria farmacêutica, e espera-se que continue a se expandir. Se você visualizar e acreditar nos anúncios, os suplementos podem melhorar a sua memória, saúde articular, saúde cardíaca, função sexual, secar a barriga e melhorar o seu bem-estar de muitas outras maneiras. Mas, de uma forma muito clara: muitos suplementos, talvez a maioria, não têm comprovação de eficácia e podem fazer pouco para melhorar a saúde ou combater doenças.