estresse-coronavirus-covid-19-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Como reduzir o hormônio do estresse em tempos de coronavírus?

Como reduzir o hormônio do estresse em tempos de coronavírus?
5 (100%) 4 votes

 

estresse-coronavirus-covid-19-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
Neste período prolongado de pandemia houve um aumento substancial de ansiedade nas pessoas. (imagem freepik)

 

O cortisol é um dos vários hormônios que o corpo produz naturalmente e os níveis dele aumentam quando você está estressada. Além disso, o cortisol oferece suporte à saúde geral: ajuda a acordar, dá energia durante o dia e diminui à noite para nos ajudar a dormir e a descansar.

O problema surge quando o estresse crônico mantém os níveis de cortisol altos por um longo período. Quando isso acontece por semanas ou meses pode gerar inflamação e uma série de problemas de saúde física e mental, desde ansiedade a ganho de peso e doenças cardíacas.

“Os níveis de cortisol altos devido ao estresse crônico faz mal para todos. Neste período prolongado de pandemia temos visto ainda mais a piora clínica das pessoas, com aumento substancial da ansiedade. As mulheres com Lipedema sofrem ainda mais, pois o cortisol piora a inflamação e aumenta o depósito de gordura nas pernas”, alerta o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular especialista em Lipedema, que atende em São Paulo, Campinas e, no momento, a distância. 

Algumas pesquisas sugerem que alimentos como chá, chocolate e óleos de peixe podem reduzir o cortisol. Mas, esses estudos tendem a ser pequenos e não muito conclusivos.

É improvável que você equilibre os níveis de cortisol adicionando catupiry à pizza ou devorando uma barra de chocolate ao leite. Mas, uma boa nutrição pode fazer a diferença!

O cortisol interage com os neurotransmissores (mensageiros químicos que enviam sinais ao cérebro). Os neurotransmissores desempenham um papel importante no humor. E o cortisol não é o único composto que os influencia. Para fazer esses neurotransmissores, você precisa de todos os ingredientes, como vitaminas, minerais e outros nutrientes. A melhor maneira para obtê-los é com uma dieta balanceada e rica em vegetais, como a dieta mediterrânea, por exemplo. Uma dieta saudável é a base do controle do estresse.

“A dieta do mediterrâneo é a única comprovada que melhora a saúde cardiovascular, além de diminuir a inflamação crônica, como a do Lipedema, e diminui o risco de demência. Sem dúvida alguma é a melhor dieta que uma pessoa pode seguir”, indica o Dr. Daniel Benitti. 

LEIA TAMBÉM: 7 receitas para você aproveitar a dieta do mediterrâneo

Um plano de alimentação balanceado pode garantir que você receba todos os nutrientes de que o seu corpo precisa.

Alguns suplementos naturais podem ajudar a reduzir os níveis de cortisol no sangue ao contribuir no controle do estresse e/ou da ansiedade:

  • Erva-cidreira
  • Camomila
  • Ashwagandha
  • Rhodiola

Ao ler isso você já deve estar pensando em correr para comprar os suplementos com estes ingredientes. Chás, como erva-cidreira e camomila são bastante seguros. Mas, se você está pensando em experimentar ervas na forma de suplemento, converse com um médico que entenda do assunto antes de se automedicar. Natural não significa livre de efeitos colaterais ou complicações.

Como reduzir o cortisol naturalmente

Uma abordagem ampla é a chave para manter os níveis de cortisol saudáveis e se sentir menos estressada. Essas estratégias essenciais são boas para o corpo e a mente.

Exercício

exercicio-fisico-saude-estresse-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
O exercício físico ajuda no alívio do estresse. (imagem freepik)

O exercício beneficia a saúde da cabeça aos pés. Portanto, não é surpresa que também ajude no alívio do estresse, possivelmente reduzindo os níveis de cortisol. Estudos mostram, por exemplo, que os exercícios podem reduzir os níveis de cortisol em idosos e em pessoas com depressão.

LEIA TAMBÉM: Exercício regular pode prevenir SDRA: uma das principais causas de morte da Covid-19

Dormir

dormir-bem-saude-estresse-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
A privação de sono prejudica a saúde mental e física. (imagem shutterstock)

Quase nada supera uma boa noite de sono. Quando você não dorme bem, tende a ficar mais ansiosa, irritada e estressada. Como os exercícios, o sono é importante para a saúde em todos os sentidos – incluindo o controle do estresse e o controle do cortisol.

A privação de sono pode aumentar os níveis de cortisol, o que pode prejudicar a memória, contribuir para o ganho de peso e até mesmo acelerar o processo de envelhecimento. Em outras palavras: priorize o seu sono!

LEIA TAMBÉM: Está difícil ter uma boa noite de sono? Veja o que fazer!

Natureza

contato-com-a-natureza-saude-estresse-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
O contato com a natureza diminui o cortisol e acalma o cérebro. (imagem uol)

Passar um tempo ao ar livre é uma ótima maneira de diminuir o cortisol e acalmar o cérebro. A prática da terapia florestal pode reduzir os níveis de cortisol e diminuir o estresse.

Práticas mente-corpo

yoga-meditacao-saude-estresse-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
A ioga pode reduzir os níveis elevados de cortisol, a frequência cardíaca e a pressão arterial. (imagem freepik)

Práticas como ioga, tai chi, qi gong, meditação da atenção plena e exercícios respiratórios podem ser excelentes para eliminar o estresse . Uma pesquisa descobriu, por exemplo, que a terapia de redução do estresse baseada na atenção plena pode reduzir o cortisol e a sensação de estresse. E a ioga pode reduzir os níveis elevados de cortisol, a frequência cardíaca e a pressão arterial, além de melhorar os sintomas da depressão.

Quando se trata de desestressar, o cortisol é apenas uma peça do quebra-cabeça. Nenhum alimento ou pílula pode levá-la a uma paz interior. Mas, escolhas saudáveis podem preparar o seu corpo para o sucesso com baixo estresse.

LEIA TAMBÉM: Uma nova era da medicina mente-corpo

LEIA TAMBÉM: Quem está sentindo falta de um abraço? Será que podemos nos abraçar? Quais os riscos?

LEIA TAMBÉM: Como lidar com as emoções neste período de pandemia?

LEIA TAMBÉM: O coronavírus aumentou o estresse e as discussões entre muitos casais. Saiba como superar esta onde de conflitos.

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.