melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

6 dicas para melhorar naturalmente o trato digestivo e ajudar no tratamento do Lipedema

6 dicas para melhorar naturalmente o trato digestivo e ajudar no tratamento do Lipedema
5 (100%) 4 votes

 

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
A Síndrome do Intestino Irritável (SII) é um distúrbio comum que afeta o intestino grosso.

 

Todo mundo tem problemas digestivos de vez em quando. Azia, gases, prisão de ventre e diarreia podem acontecer ocasionalmente, mas quando começam a ocorrer com frequência, podem realmente perturbar a sua vida e piorar a inflamação do Lipedema.

A Síndrome do Intestino Irritável (SII) é um distúrbio comum que afeta o intestino grosso. Os sinais e os sintomas incluem cólicas, dor abdominal, distensão abdominal, gases e diarreia ou constipação, ou ambos. IBS é uma condição crônica que você precisa controlar a longo prazo, principalmente para ajudar no tratamento de doenças inflamatórias crônicas.

A síndrome não causa alterações no tecido intestinal, nem aumenta o risco de câncer colorretal, mas pode ser muito frustrante conviver com isso, tendo um grande impacto negativo em sua vida cotidiana.

Felizmente, mudanças na dieta e nutrição podem fazer uma grande diferença quando se trata de controlar problemas digestivos. Muitas dessas mudanças são trocas naturais ou novas considerações, todas se resumindo à ingestão de comida de verdade.

“Ainda não se sabe a causa exata da Síndrome do Intestino Irritável, mas os sintomas podem ser desencadeados por comida e estresse. O papel da intolerância alimentar está sendo bastante estudado e hoje temos exames que podem confirmar os alimentos que inflamam a pessoa/intestino. Uma verdadeira alergia alimentar raramente causa SII. Mas, muitas pessoas têm sintomas piores quando comem ou bebem certos alimentos ou bebidas, incluindo ovos, laticínios, trigo, frutas cítricas, feijão, repolho, leite e refrigerantes. A maioria das pessoas com SII experimenta sinais e sintomas piores ou mais frequentes durante os períodos de mais estresse. Experimentar os sinais e sintomas da SII pode levar à depressão ou ansiedade. Assim como a depressão e a ansiedade também podem piorar a SII”, alerta o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular especialista em Lipedema, que atende em São Paulo, Campinas e a distância.

Listamos abaixo 6 dicas para melhorar naturalmente o seu trato digestivo:

1.Coma de cinco a sete porções de frutas e vegetais por dia.

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-frutas-legumes-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Aventure-se e seja criativa quando se trata de adicionar mais frutas e vegetais à sua dieta. Encha o seu prato com as cores do arco-íris, do vermelho ao verde escuro. Para a sua conveniência, estoque vegetais frescos e congelados, mas certifique-se de ingerir mais produtos frescos em suas refeições. Os alimentos vegetais são ricos em fibras e contêm muitos produtos químicos que combatem doenças. Uma dieta rica em fibras, segundo estudos, tem sido associada à melhoria da saúde digestiva.

2.Escolha grãos integrais com mais frequência.

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-graos-integrais-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Procure e escolha embalagens que digam “grãos integrais” com mais frequência do que pão branco ou processado ou outros grãos. Deve estar na embalagem, mas também na lista de ingredientes (rótulo nutricional). Certifique-se de que as palavras “grãos integrais” apareçam entre os primeiros itens listados. Em seguida, verifique também a quantidade de fibra que o produto contém. Tente escolher itens com pelo menos 3 gramas de fibra alimentar por porção para o melhor benefício.

3.Limite a quantidade de carne bovina, suína, cordeiro e carnes processadas que você come.

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-menos-carne-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Escolha aves ou peixes com mais frequência do que carne vermelha e limite todas as carnes processadas, como salame, bacon e salsicha. Porções menores de carne (100 g – 150 g), consumidas com menos frequência, também são benéficas. A maioria das pessoas não precisa consumir mais do que 150 g de carne todos os dias. Tente substituir a carne por feijão e brócolis para obter mais fibras. Meia xícara de feijão fornece a mesma quantidade de proteína que 30 gramas de carne.

4.Experimente opções de culinária mais saudáveis. 

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-preparo-dos-alimentos-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Cozinhar a vapor, escaldar, estufar, cozinhar no micro-ondas, refogar, ferver e grelhar, mas não fritar. E, não se esqueça: é importante certificar-se de que a carne seja bem cozida antes de comê-la para reduzir outros riscos à saúde, como a salmonela.

5.Consumir alimentos com probióticos. 

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-probioticos-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Os probióticos são bactérias saudáveis que ajudam a combater as bactérias nocivas em seu intestino. Eles também produzem substâncias saudáveis que fornecem nutrição para o seu intestino. Boas fontes de probióticos incluem alimentos fermentados como iogurte, kefir, kimchee, vinagre de cidra de maçã cru, cebola, alho e chucrute.

LEIA TAMBÉM: Prebiótico ou probiótico: qual a diferença?

6.Limite os alimentos que adicionam açúcar e gordura animal.

melhorar-dor-de-barriga-naturalmente-ler-rotulo-embalagens-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Esses alimentos podem produzir produtos químicos nocivos no trato gastrointestinal e causar danos ao longo do tempo. Leia os rótulos dos ingredientes para obter as fontes de açúcares adicionados, mas prepare-se, pois eles podem ser complicados! Escolha carnes magras e aves sem pele. Limite os laticínios com alto teor de gordura, como queijo e manteiga.

LEIA TAMBÉM: Por que ler o rótulo é fundamental para se alimentar bem?

LEIA TAMBÉM: 7 alimentos que você deveria comer diariamente

LEIA TAMBÉM: Três tipos de alimentos que você deve evitar e por quê

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.