adocao-animal-quarentena-corornavirus-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Não sabe mais o que fazer nesta quarentena? Adote um animal! O seu humor e cérebro agradecem

Não sabe mais o que fazer nesta quarentena? Adote um animal! O seu humor e cérebro agradecem
5 (100%) 3 votes

 

adocao-animal-quarentena-corornavirus-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
Neste momento de quarentena a depressão é muito comum e a ligação com um animal pode ajudar a preencher esse vazio. (imagem freepik)

 

Os animais são fiéis companheiros e já são usados há muito tempo como auxílio no tratamento de pessoas com deficiência. Atualmente, animais de todos os tipos estão constatando o seu valor no tratamento de pessoas com demência, bem como para aqueles que esperam reduzir o risco de doenças cerebrais.

Nesse cenário, a fisiologia ajuda a explicar por que os animais são terapeutas tão eficazes para todos nós.

“O simples ato de acariciar um animal pode diminuir o nível do hormônio do estresse cortisol e aumentar a liberação do neurotransmissor serotonina, resultando em redução da pressão arterial e batimentos cardíacos e, possivelmente, melhora do humor”, explica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo e em Campinas.

LEIA TAMBÉM: 5 dicas para melhorar o seu sistema imunológico

LEIA TAMBÉM: Vitamina D pode ajudar a prevenir infecções respiratórias?

Quarentena

O ser humano, por natureza, é um animal social.

Neste momento de quarentena a depressão é muito comum, causada por uma somatória do isolamento e da solidão que as pessoas estão experimentando.

LEIA TAMBÉM: Coronavírus e as consequências do isolamento

A ligação com um animal pode ajudar a preencher esse vazio com apoio social e, principalmente, dos cães, com amor incondicional.

Além disso, os cães promovem conexões humanas para seus donos. Quando você leva um cachorro para passear é comum uma pessoa se aproximar e iniciar uma conversa centrada no animal. Mesmo um simples sorriso de um desconhecido é uma conexão que pode alegrar o seu dia.

Lembrando que não está proibido caminhar, somente não está recomendado chegar a mais de 1,5 metros das pessoas, devido ao risco de contaminação.

Então, aproveite!

Qualidade de vida

Passear com o cachorro também produz outro benefício muito importante: o exercício físico, que também é essencial para um estilo de vida saudável para o cérebro.

De acordo com estudos, os adultos precisam de pelo menos 2 horas e meia por semana de atividade aeróbica de intensidade moderada para obter boa saúde e dobrar esse valor para obter maiores benefícios à saúde.

Uma caminhada rápida  de pelo menos 5 km/h, por exemplo, é considerada uma atividade de intensidade moderada.

A recompensa se estende para além da saúde cerebral aprimorada, ajuda no controle de peso, melhora da aptidão cardiorrespiratória e da força muscular, além de reduzir o risco de doenças cardiovasculares, câncer e diabetes.

Então, aproveite o momento e adote um animal! Você não tem nada a perder e ainda pode ganhar anos de vida saudável pela frente!

LEIA TAMBÉM: Por que ter um médico de confiança?

LEIA TAMBÉM: A importância do check-up vascular

LEIA TAMBÉM: O que o angiologista e cirurgião vascular trata?

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.