dificuldade-perda-de-peso-mulheres-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Por que é mais difícil para as mulheres perderem peso? Saiba o que fazer!

Por que é mais difícil para as mulheres perderem peso? Saiba o que fazer!
5 (100%) 2 votes

 

dificuldade-perda-de-peso-mulheres-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas
A composição genética e hormonal fazem com que as mulheres tenham uma massa muscular menor e mais gordura. (imagem: Gazeta do Povo)

 

Uma história típica que todo mundo conhece: um casal inicia uma dieta juntos. Ambos estão motivados, seguem a mesma dieta e fazem a mesma rotina de exercícios, mas o homem perde mais peso que a mulher.

Por que? 

A culpa é dos hormônios e da genética.

“Essa situação é comum e causa muita frustração para as mulheres. A composição genética e hormonal fazem com que elas tenham uma massa muscular menor e mais gordura. Isso gera um metabolismo basal menor e, por isso, queimam menos calorias fazendo o processo de emagrecimento mais difícil, principalmente após os 40 anos, mas não impossível”, explica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo e em Campinas.

Na gravidez

Quando uma mulher engravida, ela ganha peso e mais gordura corporal. Além disso, muitas vezes é difícil para uma mãe encontrar tempo para se exercitar e dormir. E, ela vai precisar dos dois para perder os quilos extras. No entanto, a amamentação ajuda a queimar calorias e perder peso nesta fase da vida.

Ovários policísticos

Entre 5 e 10% das mulheres têm síndrome dos ovários policísticos. Esta é uma condição caracterizada por um desequilíbrio hormonal que dificulta a perda de peso e provoca irregularidade menstrual.

LEIA TAMBÉM: Como tratar a Síndrome dos Ovários Policísticos sem anticoncepcional

Após os 40 anos

Após os 40 anos, as mulheres começam a ter uma queda hormonal que se acentua na menopausa. Isso desacelera o metabolismo e o estrogênio predominante passa a ser a estrona, que aumenta a gordura abdominal ou nas pernas e quadril quando a mulher apresenta lipedema.

LEIA TAMBÉM: Tudo sobre Lipedema

Soluções!

Calma! Não está tudo perdido. Apesar desses desafios, existem muitas maneiras de combater o ganho de peso e ter sucesso no emagrecimento:

A construção de massa muscular ajuda mulheres e homens a aumentarem o metabolismo. Dessa forma, ter mais massa muscular ajuda a queimar calorias, mesmo quando você está parada ou dormindo.

Você pode manter e ganhar músculos fazendo treinamento de resistência pelo menos duas vezes por semana, por 20 a 30 minutos por sessão. Isso é especialmente importante à medida que você envelhece.

LEIA TAMBÉM: Como manter a forma e a saúde cardiovascular após os 30 anos

Existem várias maneiras de abordar o treinamento de resistência:

  • Use aparelhos em uma academia ou em casa;
  • Use pesos livres ou bandas de resistência;
  • Participe de uma aula de fitness em grupo, como Pilates, por exemplo;
  • Use seu corpo para resistência, fazendo flexões, agachamentos e abdominais.

Lipedema

“Para as mulheres que têm lipedema, a melhor atividade física é dentro da água, como acqua jogging e acqua cycling (algumas academias denominam como hidrocircuito). Elas conseguem queimar quase o dobro das calorias fazendo essas atividades”, complementa o Dr Daniel Benitti.

Atividades físicas e dieta

Além de aumentar a massa muscular, a atividade física previne a osteoporose e diminui a resistência à insulina, ajudando a prevenir o diabetes.

Uma dieta balanceada auxilia bastante no emagrecimento. Um exemplo comprovado que protege a saúde cardiovascular e não é muito restritivo é a dieta do mediterrâneo. Caso a mulher tenha lipedema, a melhor dieta para perda de peso é a cetogênica.

LEIA TAMBÉM: Aprenda a fazer a dieta do mediterrâneo

LEIA TAMBÉM: Dieta cetogênica

Tenha foco

É importante ser paciente. Estudos mostram que a maioria dos planos de perda de peso deve resultar em 5% a 10% de perda de peso dentro de um ano. Se você não estiver vendo resultados, um exame de bioimpedância pode ajudar a detectar a sua massa muscular e saber qual tipo de exercício será melhor para você.

É muito comum algumas mulheres ganharem peso, mas, na verdade, estão aumentando a massa muscular para depois queimar a gordura. Somente através da bioimpedância é possível confirmar se isso está ocorrendo.

Se você segue uma dieta pobre em gordura, em carboidratos ou algum outro tipo, certifique-se de que as refeições sejam balanceadas e nutritivas. Inclua proteínas magras, gorduras saudáveis, como nozes, azeite de oliva e abacate, carboidratos simples e limitados (sem açúcar, pão branco e bebidas açucaradas) e muitas vitaminas e minerais de vegetais e frutas.

Outras recomendações nutricionais para mulheres com mais de 50 anos incluem a manutenção de cálcio e vitamina D adequados, seja com alimentos ou suplementos.

Reposição hormonal

Ainda existem muitos tabus sobre a reposição hormonal. Por isso, procure um especialista. Comece com fitoterápicos e, se necessário, use hormônios, caso não tenha contra-indicação. Lembre-se que todo tratamento bem acompanhado diminui a chance de complicações. Fuja de pessoas que se identificam como especialistas em modulação hormonal. 

LEIA TAMBÉM: Tudo sobre reposição hormonal para mulheres

Com uma abordagem lenta e constante para dieta e exercício, você pode incorporar as mudanças em longo prazo como parte de um estilo de vida mais saudável e será mais feliz!

LEIA TAMBÉM: Por que ter um médico de confiança?

LEIA TAMBÉM: A importância do check-up vascular

LEIA TAMBÉM: O que o angiologista e cirurgião vascular trata?

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.