Siga essas 5 dicas para ganhar 14 anos de vida

Siga essas 5 dicas para ganhar 14 anos de vida
5 (100%) 3 votes

 

dicas-vida-saudavel-viver-mais-dr-daniel-benitti-cirurgiao-sao-paulo-campinas
Adotar cinco hábitos saudáveis reduzirá sua probabilidade de morrer prematuramente. (imagem: Freepik)

 

Talvez você tenha tido um recente problema de saúde, talvez alguém que você ama tenha sido diagnosticado com alguma doença grave ou talvez você tenha trabalhado duro, criado uma família e agora está ansiosa para aproveitar os anos dourados.

Não importa o motivo para você estar cada vez mais preocupada com a sua saúde, é possível fazer com que os anos durem mais.

Adotar cinco hábitos saudáveis reduzirá sua probabilidade de morrer prematuramente de doenças cardiovasculares ou câncer:

  • Ter uma dieta saudável;
  • Praticar exercícios regulares;
  • Não fumar;
  • Beber álcool com moderação;
  • Manter o peso ideal.

Estudo

Um recente estudo evidenciou que uma mulher que adota essas cinco medidas aos 50 anos de idade vive 14 anos a mais do que as que não seguem nenhum desses hábitos. Para um homem, o ganho é de 12,2 anos.

“Esse estudo é muito significativo, pois foi feito com mais de 120 mil pessoas, ao longo de 34 anos. Ele mostra que nunca é tarde para ter hábitos de vida saudáveis e que, mesmo após os 50 anos, a pessoa colhe benefícios com essas mudanças. Claro que, quanto antes, melhor”, explica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo e em Campinas.

LEIA TAMBÉM: 5 dicas diárias para manter o seu coração saudável

LEIA TAMBÉM: Como identificar os sinais do corpo sobre a sua saúde

Nunca é tarde

Um estilo de vida de baixo risco é importante para todos, independente da idade. Contudo, é ainda mais crítico para aqueles que foram diagnosticados ou que têm familiares com doença cardiovascular. Certamente, essas pessoas terão um impacto relativamente maior.

A expectativa de vida no Brasil é de 79 anos para mulheres e 72 anos para homens (menor que a de países de primeiro mundo). No entanto, é possível observar um estilo de vida com muita comida e pouco exercício. Dessa forma, o aumento da obesidade e o declínio na atividade física são os principais responsáveis por altos níveis de doenças cardiovasculares e muitos tipos de câncer.

Provavelmente, 3/4 das mortes prematuras por doenças cardiovasculares e metade das mortes prematuras por câncer podem ser atribuídas à falta de um estilo de vida de baixo risco.

LEIA TAMBÉM: A dor é inevitável com o envelhecimento?

LEIA TAMBÉM: Como manter o peso após a menopausa?

Esses hábitos saudáveis não são surpresa para ninguém, mas aqui temos a descrição de cada um:

Dieta saudável

Mantenha uma dieta rica em vegetais, legumes, frutas, nozes, grãos integrais, ácidos graxos poliinsaturados e ácidos graxos ômega-3 de cadeia longa e pobre em carne vermelha, carnes processadas, laticínios integrais, açúcares, gorduras trans e sódio. Ou seja, siga a Dieta Mediterrânea.

Exercício regular

Pratique atividades físicas regularmente. É importante lembrar que o maior benefício do exercício físico deriva-se de 30 minutos ou mais por dia de atividade moderada ou vigorosa, incluindo uma breve caminhada.

Não fumar

O menor risco foi encontrado naqueles que nunca fumaram.

Beber álcool com moderação

O consumo de álcool de baixo risco significava de 5 a 15 gramas por dia (uma bebida) para mulheres e de 5 a 30 gramas por dia (duas bebidas) para homens.

Manter o peso ideal

O peso corporal de baixo risco foi definido como um índice de massa corporal de 18,5 a 24,9 kg / m2.

Dados finais do estudo

Apenas 1,3% dos 123 mil participantes do estudo avaliados pelos pesquisadores seguiram todos os cinco hábitos saudáveis. No entanto, quanto mais as pessoas seguiam, mais elas viviam. Isso significa que um estilo de vida de baixo risco não é necessariamente uma proposta de tudo ou nada.

“Se você já segue um ou dois dos hábitos, você vai ganhar benefício adicional com a adoção de mais um ou dois outros. Se você fuma ou está com excesso de peso, ainda obteria benefício por começar a comer saudável ou se exercitar, por exemplo. Mas, parar de fumar é o hábito que tem o maior impacto na longevidade”, complementa o Dr. Daniel Benitti.

Dica

Se você não sabe por onde começar, lembre-se que não precisa resolver tudo de uma só vez. Comece por um hábito de cada vez e, quando perceber, já estará fazendo todos.

LEIA TAMBÉM: Por que ter um médico de confiança?

LEIA TAMBÉM: A importância do check-up vascular

LEIA TAMBÉM: O que o angiologista e cirurgião vascular trata?

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.