Vitaminas que auxiliam a fertilidade masculina

Vitaminas que auxiliam a fertilidade masculina
5 (100%) 3 votes

 

 

vitaminas-fertilidade-masculina-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-campinas
Algumas vitaminas e suplementos são utilizados para auxiliar a fertilidade masculina, inclusive após procedimentos cirúrgicos. (imagem Hospital Israelita Albert Einstein).

 

Recentemente escrevemos dois posts sobre vitaminas: um relacionado à saúde vascular e outro ao sistema imunológico. Mas, você sabia que as vitaminas e minerais também podem auxiliar a fertilidade masculina?

Abaixo resumimos os mais importantes suplementos utilizados para a melhora clínica dos homens, inclusive, muitas vezes utilizados após procedimentos cirúrgicos, como a correção da varicocele, por exemplo.

LEIA TAMBÉM: Varicocele: uma das principais causas de infertilidade masculina

  • Selênio: poderoso antioxidante, o selênio é muito utilizado em casos com elevada porcentagem de radicais livres de oxigênio ou de fragmentação de DNA espermático (levando em consideração que os geradores de radicais livres estejam compensados, como obesidade, tabagismo e varicocele). Além disso, ele está diretamente associado à integridade da cauda e, consequentemente, à rapidez dos espermatozoides.
  • Zinco: presente em cereais integrais, ostras, frutos do mar, germe de trigo, ovos, abóbora, avelãs e nozes, feijões, levedo de cerveja e cebolas, ele está associado à melhora da concentração e contagem de espermatozoides.
  • Coenzima Q10: outro poderoso antioxidante, o Coenzima Q10 também está diretamente ligado ao funcionamento mitocondrial e ao metabolismo da cauda dos espermatozoides, ou seja, atua sobre a motilidade espermática.
  • Vitamina C: utilizada sobre a forma de comprimidos ou presente na laranja, brócolis, couve e couve-flor, a vitamina C é um potente antioxidante e pode melhorar a motilidade dos espermatozoides.
  • Vitamina B12: associada à síntese do DNA espermático e à maturação celular, a sua deficiência está relacionada à queda da concentração de motilidade espermática.
  • Ômega 3: geralmente encontrado em peixes, soja, milho, ovos ou leite, melhora a motilidade do esperma, aumentando, assim, as chances de fecundação com o óvulo. Estudos realizados em ratos, nos Estados Unidos, demonstraram reversão do estado de infertilidade com o uso prolongado de Ômega 3.
  • Vitamina E: pode ser protetora para mutações nos espermatozoides e auxiliar na produção de hormônios importantes para a fertilidade masculina, além de ser um importante antioxidante. As fontes principais de vitamina E são: óleo de germe de trigo, óleo de girassol, nozes, amendoim e brócolis. A carência desse nutriente pode levar a problemas no sistema reprodutor, como degeneração dos testículos e supressão da fertilidade.

Segundo o cirurgião vascular Dr. Daniel Benitti, que atende em Campinas e em São Paulo, é importante ressaltar que qualquer suplemento deve ser acompanhado por mudanças de estilo de vida, como perda de peso, fim do tabagismo, realização de atividades físicas regulares e menor consumo de bebidas alcóolicas. “Não existe milagre: suplementar sem mudança de estilo de vida muitas vezes será desperdício de tempo, recursos e expectativas”, afirma.

LEIA TAMBÉM: Cuidado! Muitas doenças vasculares são silenciosas

LEIA TAMBÉM: A importância do check-up vascular

LEIA TAMBÉM: Principais exames na cirurgia vascular

LEIA TAMBÉM: O que o angiologista e cirurgião vascular trata?

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Sobre o Autor: Dr. Daniel Benitti

Médico formado pala Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), com Residência em Cirurgia Geral e em Cirurgia Vascular e Endovascular no Hospital das Clínicas da USP. veja mais aqui

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.